Segurança Máxima

O Mantega disse que o sistema não é falho, porém sempre existem os “espertões’ que burlam toda a tecnologia imposta pela segurança (que deve custar milhões aos cofres polpudos e com recursos inesgotáveis do góvi). Sendo assim o vazamento das suas (e minhas) informações na receita sempre vazaram ou estiverem por vazar (a quem interessar possa), como ocorreu com a filha do José.

Guido falou que ao detectar a “bisbilhotagem” se pune, coíbe e muda o sistema, depois da porta arrombada novamente um novo sistema é criado.

Rezemos para que  intelectuais em tecnologia consigam inventar um sistema capaz de detectar a veracidade da assinatura do Contribuinte e a originalidade do carimbo de um cartório. Quem sabe interligar os cartórios à receita? Estes já possuem as assinaturas digitalizadas.

Caso contrário, meu caro leitor de Crônicas Cômicas, nossos dados estarão a disposição nas ruas do centro da megalópole paulista conforme cita nosso ministro: "Outro dia você podia comprar aqui no centro de São paulo informações atpe de bancos privados".

 

Pão e Circo

O Seo Francisco, ou Tiririca, “eslogou” na campanha política a frase: pior do que está não fica.

O ministro da Cultura, Seo Juca, não gostou do tom “esnobástico” que o aspirante a representante do povo usou alegando falta de respeito com a democracia.

Quem difama a própria casa dela se servirá das suas conseqüências, e o fato de um cidadão se colocar da forma que o Seo Francisco o fez, pode até não representar as boas formas de nossa cultura, porém descamba para o pensamento da massa. Aquela massa que deve estar assistindo (se estiver) o programa eleitoral só para ver os Tiriricas e Batorés se apresentar.

Um dia alguém falou que o povo quer circo e pão.

Bem os palhaços já estão chegando.

 

Estiagem do ouvido?

Chorando as mágoas a garganta, os olhos e as narinas reclamam com o cérebro, comandante do corpo, de que todos estes órgãos estão danificados e conseqüentemente todo sistema respiratório, causando diversos sintomas em todo o corpo. Tudo isso devido a Umidade Relativa do Ar que está uma loucura.

A indignação dos referidos órgãos é que o ouvido, somente ele, não esta sendo afetado. Acham uma verdadeira injustiça, ele lá todo sossegado enquanto o restante do corpo padece face às intempéries climáticas.

O cérebro, com sabedoria, procurou acalmar a todos e expôs a difícil missão do ouvido:

- O coitado de dois em dois anos sofre com o inevitável Horário Político, e é “metralhado” com frases do tipo: pior do que esta está não fica, vote no Tiririca. Algum de vocês se habilita a trocar de função?

Os órgãos revoltosos se compadeceram do sofrimento do ouvido e nunca mais reclamaram.

O clima oscila já os políticos...

[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]



Meu Perfil
BRASIL, Sudeste, RIO DE JANEIRO, BARRA DA TIJUCA, Homem

 
Visitante número: